sexta-feira, setembro 23, 2016

Conclusões das Jornadas Missionárias

À semelhança dos anos anteriores, também neste ano uma delegação de vários membros do Grupo Missionário Ondjoyetu participou nas Jornadas Missionárias Nacionais.

Missão com histórias de Misericórdia foi o tema sobre o qual reflectiram os cerca de 250 participantes, consagrados e leigos, nestes dois dias de aprendizagem e comunhão missionária.

A convite da FEC | Fundação Fé e Cooperação, a quem agradecemos o desafio que nos foi proposto, dinamizámos um workshop subordinado ao tema "Misericórdia e Voluntariado". A partir do relato escrito que a nossa missionária Inês Figueiredo fez de um dia de missão em plenas montanhas do Gungo, em dezembro de 2012, convidámos os participantes a dramatizar as peripécias e maravilhas por ela vividas na luta pela sobrevivência de uma jovem grávida e sua filha, a qual só poderia nascer de cesariana e, portanto, num hospital da cidade. Vários foram os obstáculos que de forma surpreendente se sucediam e muito dificultavam e atrasavam a evacuação da parturiente para a cidade. No entanto, com a força da Fé, transformada em milagres visíveis, Inês foi superando cada um dos desafios. Mesmo perante um último obstáculo, para o qual não se vislumbrava qualquer tipo de solução, já não restando esperança alguma, restava a Fé… A nossa missionária sentou-se, rezou... confiou. E mais um milagre, simples mas surpreendente (como são todos eles), aconteceu. Por causa desse e de outros milagres vividos nesse dia... por causa da Fé que nos anima e faz maravilhas... a bebé Linda nasceu.

Tal como os participantes que no workshop representaram esta história real de missão, também cada um de nós tem um papel: um papel na grande história de Misericórdia que nos une. Todos temos lugar. Todos temos a oportunidade de sermos instrumentos do Amor de Deus e de contribuirmos para um mundo cada vez mais justo e fraterno, onde somos todos irmãos uns dos outros e não só de uns poucos.

Um MUITO OBRIGADO a todos os que participaram no workshop e muitos parabéns à Comissão Episcopal das Missões, Obras Missionárias Pontifícias e CIRP por mais uma fantástica edição das Jornadas Missionárias.

Transcrevemos a seguir as conclusões destas jornadas:

--- As Jornadas Missionárias Nacionais 2016 decorreram, a 17 e 18 de Setembro, no Centro Paulo VI, em Fátima, com a participação de cerca de 250 pessoas, vindas de todo o país.
--- O P. António Lopes, diretor nacional das Obras Missionárias Pontifícias (OMP), deu as boas vindas, abrindo os trabalhos. D. Manuel Linda, Presidente da Comissão Episcopal ‘Missão e Nova Evangelização’, abriu as Jornadas com uma palavra de incentivo missionário. No ‘ide por todo o mundo’, não obstante a escassez de Missionários/as, vivemos tempos de aumento de geminações entre dioceses e paróquias de Portugal e dos quatro cantos do mundo. É necessário avivar o ardor missionário e o tema escolhido atrai e faz partir ao encontro do outro como Missão recebida de Jesus. É urgente aprofundar a comunhão e colaboração com a Igreja local.
--- Os participantes puderam olhar três rostos de misericórdia. No Sudão do Sul, o P. José Vieira, comboniano, viveu a Missão da misericórdia não como um conceito abstrato mas um encontro de corações no contexto de uma guerra civil que continua a massacrar um povo pobre. No Japão, o P. Adelino Ascenso, Missionário da Boa Nova, viveu a sua Missão, traduzida por três simples adjetivos que caracterizam a vida de Jesus: débil, companheiro e maternal. Na Amazónia, o Luis Fernandez, leigo da Consolata, partilhou a sua vida e luta em defesa dos povos indígenas da Amazónia. Partiu com a esposa e lá nasceram três filhos. Viveram as alegrias e angústias de um povo espezinhado, ajudando a formar líderes e construir comunidade. Lembrou que ‘o desafio maior da Missão é ouvir o clamor da terra e dos pobres. É defender a vida!’.
--- A tarde de sábado foi preenchida por cinco workshops que enriqueceram os participantes com partilhas e reflexões sobre o desenvolvimento, o voluntariado, a ecologia integral, a inclusão e a reconciliação.
--- A Irmã Myri, natural de Mafra e Monja na Síria, partilhou a experiência da sua comunidade monacal em contexto de guerra civil. O Convento nasceu por causa do empenho pela unidade dos cristãos e do diálogo com todos os crentes. Lembrou que, ‘cada um de nós é uma história de misericórdia onde somos convidados a olhar para Cristo e ver no irmão a presença dEle’. O trabalho dos missionários na Síria é de alto risco porque sem armas na mão, partilhando os sofrimentos de um povo pobre e mártir.
--- D. Juan José Aguirre, Bispo de Bangassou, na República Centro Africana, partilhou a Missão de uma Igreja perseguida até à morte por grupos armados de fundamentalistas islâmicos e não islâmicos que semeiam o pânico entre as populações e querem erradicar o cristianismo de África. Lembrou o momento forte que foi a visita do Papa Francisco a Bangui, onde abriu a Porta da Misericórdia antes ainda de o fazer em Roma. Como Bispo é um construtor de pontes. Contra a violência, a Diocese opta sempre por construir escolas e projetos de desenvolvimento.
--- Tempos fortes destas jornadas foram os momentos de celebração, quer no auditório dos encontros quer nas celebrações oficiais do santuário, sobretudo a Eucaristia presidida por D. Manuel Linda, em que foram enviados em Missão seis Missionários.
--- Em contexto de Jubileu do Centenário das Aparições de Fátima, as Jornadas Missionárias Nacionais 2017 serão realizadas a 16 e 17 de Setembro.

No site das Obras Missionárias Pontifícias, além do testemunho do nosso missionário Pe. David Nogueira, que apresentamos a seguir, encontramos testemunhos dos vários missionários que, ao longo dos dois dias de jornadas, partilharam histórias de misericórdia Ad Gentes.

quarta-feira, setembro 21, 2016

Caminhada SOBRE RODAS: prazo de inscrições alargado até domingo!

Walanga! Boa tarde!

O Grupo Missionário Ondjoyetu informa que o prazo de inscrições para a Caminhada SOBRE RODAS foi alargado até ao dia 25. Poderá, assim, fazer a sua inscrição nos próximos dias ou, em último recurso, no próprio dia da caminhada, das 08h00 às 09h00, sujeitando-se neste caso à ruptura do kit oferta.

Participe! Inscreva-se aqui: http://tinyurl.com/caminhada-sobre-rodas
ou ligue para o número 926031382.

Vamos CAMINHAR para que a missão do Gungo continue a andar SOBRE RODAS!
Os seus passos ajudar-nos-ão a chegar longe...


CAMINHADA SOBRE RODAS - 25 DE SETEMBRO:

Abertura do Secretariado: 08h00
Início da Caminhada: 09H00

Local de concentração:
Café "Paisagem do Lapedo"
Rua Principal 1760, Vale do Lapedo, Santa Eufémia, Leiria
Google Maps: https://goo.gl/maps/vjy6Qx6DKKD2
Coordenadas GPS: 39.758498 N 8.730676 W

O percurso da caminhada é circular, sendo o ponto de partida também o ponto de chegada, isto é, o café "Paisagem do Lapedo".

quarta-feira, setembro 14, 2016

Solidariedade com a Diocese do Sumbe

A diocese do Sumbe está de luto pelo falecimento do Pe Genito Caneca. Nós estamos associados ao sofrimento daquela diocese e da família do Pe Genito. 
Faleceu no Domingo, dia 12, no Seles, vítima de acidente de viação. Irá a sepultar amanhã, quinta-feira, dia 15.
Que descanse em Paz e encontre o Abraço misericordioso de Deus Pai a acolhê-lo.
Da nossa parte rezemos pelo seu eterno descanso e pelo consolo de todos aqueles que choram a sua partida.



Pe David

Calendário das actividades Ondjoyetu 2016/2017

Saudações missionárias!

Divulgamos por este meio o calendário das actividades Ondjoyetu previstas para o novo ano pastoral.

Aproveitamos para relembrar os eventos mais próximos:
  • 17 e 18 de setembro - Jornadas Missionárias 2015, em Fátima (é já neste fim-de-semana!)
  • 25 de setembro - Caminhada SOBRE RODAS
  • 1 de outubro - Reunião Mensal de Grupo
  • 15 de outubro - Sessão de Apresentação do Grupo Ondjoyetu
  • 17 a 23 de outubro - Semana de Animação Missionária, na vigararia de Colmeias
  • 21 de outubro - Vigília Missionária Diocesana




Para fazer o download do calendário, clique, por favor, na imagem ao lado. 
Bom ano pastoral!

segunda-feira, setembro 05, 2016

Caminhada SOBRE RODAS: faltam 20 dias! :)

A Caminhada SOBRE RODAS, a primeira caminhada solidária organizada pelo Grupo Missionário Ondjoyetu, realizar-se-á no dia 25 de SETEMBRO e contará com a presença especial da atleta Aurora Cunha.

A iniciativa visa angariar fundos para a aquisição de um veículo todo o terreno destinado à Missão de S. José do Gungo (Sumbe - Angola) a fim de substituir o veículo que há quase uma década serve esta missão. O nosso jipe, carinhosamente apelidado Cavalinho Branco, acusa já bastante desgaste pelos seus quase dez anos de circulação nas duras picadas (estradas de terra batida) do montanhoso Gungo e pelos mais de 300.000 km de missão cumprida.  

Poderá fazer a a sua inscrição por um dos seguintes meios:
  • formulário online - http://tinyurl.com/caminhada-sobre-rodas;
  • via telefónica, ligando para o número 926031382;
  • presencialmente no Serviço de Animação Missionária (Seminário Diocesano de Leiria);
  • ou no próprio dia da caminhada, das 08h00 às 09h00, sujeitando-se no entanto à ruptura do kit oferta.

PEDIDO ESPECIAL:
Seja missionário connosco! Inscreva-se neste evento Ondjoyetu e divulgue-o pelos seus familiares e amigos. Para descarregar o cartaz (em versão pdf), clique por favor aqui: http://bit.do/ondjoyetu-caminhada-sobre-rodas

TWAPANDULA TCHIWA. Muito obrigado.
Caminhemos juntos! Pelo povo do Gungo!


domingo, agosto 28, 2016

1.ª reunião Ondjoyetu do ano pastoral 2016-2017

Saudações missionárias!
Vimos por este meio comunicar que a primeira reunião mensal deste ano pastoral se realizará no próximo sábado, dia 3 de setembro, às 21 horas, no Seminário Diocesano de Leiria. Entre outros assuntos, faremos o ponto de situação da preparação da Caminhada SOBRE RODASo balanço da Missão Alentejo 2016 e da visita do "grupo dos 7" à missão do Gungo. Não faltarão ainda os momentos de convívio e de oração.

Para todos, um bom ano pastoral 2016-2017, com a intercessão do padroeiro da nossa diocese, Santo Agostinho, cuja festa litúrgica celebramos hoje!
Tukasi kumosi!

sexta-feira, agosto 19, 2016

Honrosas presenças na Caminhada Solidária Ondjoyetu!

O Grupo Missionário Ondjoyetu organizará no dia 25 de SETEMBRO a Caminhada SOBRE RODAS. Esta caminhada solidária Ondjoyetu contará com a honrosa presença de


D. António Marto, Bispo da diocese de Leiria-Fátima;
Raul Miguel de Castro, Presidente da Câmara Municipal de Leiria;
José António G. Duarte de Sousa, Presidente da Liberty Seguros;



e Aurora Cunha, atleta olímpica de Fundo e Maratona, e embaixadora da Liberty Seguros.

Aurora Cunha nasceu em Ronfe, Guimarães, a 31 de Maio de 1959.
Atleta profissional de corrida de renome internacional, especializou-se nas modalidades de corta-mato, meio-fundo e fundo. Foi campeã mundial de estrada em três anos consecutivos, de 1984 a 1986. Foi vencedora de importantes troféus na sua modalidade, quer a nível nacional - várias vezes campeã de crosse de pista, tri-campeã do crosse Amendoeiras em Flor, tri-campeã da S. Silvestre da Amadora, tri-campeã do crosse Matos Velhos, tri-campeã mundial nos 15 km Lisboa - quer, e principalmente, a nível internacional: venceu as maratonas de Paris (1988), Chicago (1990), Tóquio (1988) e Roterdão (1992); venceu a S. Silvestre de S. Paulo em 1988; foi campeã do mundo 10 km, em Madrid (1984), campeã do mundo 15 km, em Inglaterra (1985), campeã da Taça do Mundo de pista (1985). Representou Portugal em três edições dos Jogos Olímpicos. Foi finalista olímpica (6.º lugar) em Los Angeles '84.
Aurora Cunha é detentora de distinções honoríficas de grande significado: Medalha de Bons Serviços, Medalha de Mérito Desportivo, Medalha Infante D. Henrique, Medalha de Ouro da Cidade de Guimarães, Medalha de Ouro da Cidade do Porto. Actualmente retirada, dedica-se a apoiar activamente movimentos cívicos e humanitários.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A Caminhada SOBRE RODAS visa angariar fundos para a aquisição de um veículo todo o terreno destinado à Missão de S. José do Gungo (Sumbe - Angola) a fim de substituir o veículo que há quase uma década serve esta missão. O nosso jipe, carinhosamente apelidado Cavalinho Branco, acusa já bastante desgaste pelos seus quase dez anos de circulação nas duras picadas (estradas de terra batida) do montanhoso Gungo e pelos mais de 300.000 km de missão cumprida.

Poderá fazer a sua inscrição até ao dia 21 de setembro, por um dos seguintes meios:
  • formulário online - http://tinyurl.com/caminhada-sobre-rodas;
  • via telefónica, ligando para o número 926031382;
  • presencialmente no Serviço de Animação Missionária (Seminário Diocesano de Leiria);
  • no próprio dia da caminhada, das 08h00 às 9h00, sujeitando-se no entanto à ruptura do kit oferta.

DATA: 25 de Setembro de 2016
LOCAL: Vale do Lapedo
PERCURSO: 7 km
HORÁRIO: abertura do secretariado: 8h00 | início da caminhada: 9h00
PREÇO: 4,00 € | crianças até aos 12 anos: grátis
OBJECTIVO: angariação de fundos para aquisição de um jipe para a missão no Gungo (Sumbe - Angola)

ORGANIZAÇÃO
Grupo Missionário Ondjoyetu | Diocese de Leiria-Fátima

APOIO À ORGANIZAÇÃO
NEL - Núcleo de Espeleologia de Leiria

ALTO PATROCÍNIO
Liberty Seguros

PATROCINADORES
Copus.Com (Leiria)
Cordeiro & C.ª - Comércio Hortícola e Frutícola Lda (Colmeias - Leiria)
Franco Seguros - Sociedade Mediação, Lda. (Chãs - Regueira de Pontes - Leiria)
Frutas Lizcentro - Comércio De Frutas, Lda (Leiria)
Leiripantone - Somos Publicidade (Pousos-Leiria)
São Ópticas (Leiria)

A cada inscrito(a) serão oferecidos uma peça de fruta, uma garrafa de água, uma t-shirt e um brinde Ondjoyetu.


ATENÇÃO:
Por favor, antes de proceder à sua inscrição, leia o regulamento da caminhada, clicando aqui:
http://bit.do/ondjoyetu-caminhada-regulamento

PEDIDO ESPECIAL:
Seja missionário connosco! Inscreva-se neste evento Ondjoyetu e divulgue-o pelos seus familiares e amigos. Para descarregar o cartaz (em versão pdf), clique por favor aqui: http://bit.do/ondjoyetu-caminhada-cartaz

TWAPANDULA TCHIWA! Muito obrigado!
Caminhemos juntos. Pelo Gungo! Pela MISSÃO!

domingo, agosto 14, 2016

Regressamos com a certeza que estes 10 anos fizeram a diferença!

Foi no passado dia 12, sexta-feira que regressou a Portugal o grupo dos 7 que tinham ido em visita ao Gungo. Para alguns foi a novidade do desconhecido, oportunidade de finalmente ver, sentir e viver aquilo que já tantas vezes tinham ouvido contar. Para outros foi regressar ao sítio de onde nunca tinham partido.

Estes 12 dias de Missão foram passados grande parte do tempo na sede da Missão, Donga, onde foi possível acompanhar e dar formação aos lideres da Pastoral da Criança, parteiras, promotores de saúde, jovens, grupo de catequistas e da liturgia. Sendo grande parte do grupo da área da saúde, podemos dar alguma assistência em consultas e tratamento de feridas. Connosco também subiu o camião e pudemos reforçar a cantina e levar alguns bens para pessoas particulares.
Tivemos ainda a oportunidade de estar dois dias numa aldeia do Gungo, no Calipe, onde nos encontramo com a comunidade local e com as milhões de crianças que lá vivem, sempre com o seu sorriso e curiosidade encantaram os corações das nossas visitas.



E falo agora em nome pessoal: foi muito, muito bom voltar a estar no Gungo. Ver como os projectos continuaram a evoluir, rever pessoas que assumiram papeis mais importantes na Missão e perceber como as sementes que tantos e tantos voluntários deixaram deram frutos e o Gungo está a crescer. Chegamos à Donga de noite e ao longe vimos a luz que ilumina aquele lugar, a luz não vem só dos painéis solares que permitem iluminação dos espaços públicos, vem do coração de tanta gente boa que está a aproveitar a presença missionária, vem do amor que tantos missionários depositaram no seu trabalho, vem da oração dos que nunca tendo pisado esta terra também contribuem para a Missão e da certeza que este é um projecto de Deus.
E como disse o Tio Calei na mensagem de despedida: "Já não é pelas vossas palavras que acreditamos; nós próprios vimos e ouvimos e sabemos que Ele é verdadeiramente o Salvador do mundo".
Twapandula chiwa a todos os que tornam possível esta Missão.

Estamos Juntos

Mana Inegi*